Ampher Solução e Manutenção em Engenharia Elétrica

Whatsapp

(21) 96927-0162

Correção de fator de potência

Correção de fator de potência

Quando vamos dimensionar a potência de um no-break ou analisar a eficiência de um equipamento eletroeletrônico, devemos entender o conceito de fator de potência.


O fator de potência, ou sua abreviação FP, é um número entre 0 e 1 que indica o quão eficiente é o consumo de energia elétrica por um equipamento ou circuito. O fator de potência ideal é 1, e quanto mais baixo for este número, menor a eficiência ou rendimento do equipamento.

Tecnicamente falando, fator de potência é o ângulo de separação entre as curvas de tensão (Volts) e corrente (Amperes) na rede elétrica, sendo “1” quando não há ângulo entre elas.


O objetivo da correção de fator de potência é deixar a rede mais eficiente através da instalação de bancos de capacitores com o objetivo de “anular” ou “juntar o máximo possível” as curvas de tensão e corrente.


Sabendo que uma carga CAPACITIVA antecipa a corrente e uma INDUTIVA antecipa a tensão, podemos juntar as duas pra tornar nosso fator de potência o melhor possível, ou o mais próximo a 1 interligando capacitores (ou bancos com vários capacitores para cargas maiores) em paralelo com nossas cargas indutivas. A capacitância necessária depende do quanto defasada está a corrente, e deve ser calculada por um especialista.


Portanto, se você possui uma empresa ou indústria, com muitos motores “pesados”, incluindo elevadores, deve se preocupar. Você pode conferir em sua fatura de energia elétrica se está sendo cobrado excedente por potência reativa e se estiver, considere a instalação de um banco de capacitores para corrigir o fator de potência e evitar cobrança extra.