Muitas pessoas já ouviram falar sobre aterramento elétrico e sua importância, mas o número de pessoas que desconhecem o quanto o aterramento influencia no funcionamento de aparelhos eletrônicos é enorme.

Por isso hoje em nosso BLOG explicaremos o que é e qual a sua importância em uma rede elétrica.

Você entende a importância de um aterramento elétrico

Todos sabemos do quanto todos necessitamos de eletricidade no nosso dia a dia, mas muitos esquecem dos cuidados que são necessários para manter a segurança e o bom funcionamento de sua instalação elétrica. E quando falamos sobre instalações elétricas, não podemos deixar que pontos importantes como a segurança, sejam negligenciados, não é mesmo?

Incêndios, curto-circuito, choques, queda de energia, queima de aparelhos são alguns exemplos de problemas que podem surgir caso sua instalação elétrica esteja inadequada.

E para que situações como essas sejam evitadas de forma eficaz e deixem tudo muito mais seguro, existem os sistemas de aterramento.

Mas o que é aterramento elétrico?

Utilizado para evitar desequilíbrios na tensão elétrica, significa que um dos fios do cabo de ligação (o fio terra) está conectado com a terra. Funciona como uma rota de fuga para uma possível fuga de energia ou descarga elétrica.

No caso de um isolamento mal realizado, fios descascados e sobrecarga de energia, como exemplo, a eletricidade pode ser acumulada, sobrecarregando os equipamentos e a instalação. E para que possamos evitar que pessoas levem choques e equipamentos estraguem, o fio terra elimina o excesso de energia, devido o aterramento. O condutor de proteção pode ser identificado pelas cores amarela e verde ou apenas verde, de acordo com a norma técnica da ABNT (NBR 5410).

A importância do aterramento

Os principais objetivos de um aterramento são:

O aterramento oferece diversos benefícios aos seus usuários, sempre visando aumentar a segurança de suas instalações elétricas, facilitar o funcionamento de todos os dispositivos de proteção de equipamentos, máquinas e eletrônicos e evitar curtos-circuitos e até mesmo possíveis acidentes.

Riscos de não fazer o aterramento

Vimos o quão importante é um aterramento elétrico bem executado, mas tão importante quanto, é entender os possíveis problemas que podem ocorrer quando o mesmo não é feito. O principal deles é o choque, ou seja, descargas devido contato com algum elemento condutor carregado.

Não fazer um aterramento aumenta e muito as chances de choques ao tocar em alguns objetos e em casos com crianças, animais ou idosos, se torna um problema ainda mais grave.

A falta do aterramento também aumenta as chances de curtos-circuitos, principalmente para segurança de usuários e patrimônios. Uma situação como essa, pode gerar diversos prejuízos.

O aterramento elétrico não funciona sozinho e para que uma instalação seja segura é sempre importante se atentar aos sinais do seu sistema elétrico. E para que esse processo seja feito adequadamente é importante que se faça manutenção regularmente e por especialistas que dominam o assunto. Esse trabalho precisa ser feito com qualidade e segurança!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CAPTCHA